Como funciona o seguro viagem?

Tire as principais dúvidas a respeito do seguro viagem e fique tranquilo para aproveitar sua viagem internacional com total segurança.

08 jun 2018 1 Estrelas2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas
Carregando...

Ao iniciar o planejamento de uma viagem internacional, pensamos nas passagens, nos hotéis onde vamos ficar, nos principais pontos turísticos que vamos visitar, nos restaurantes… mas um item muito importante dessa lista que poucas pessoas lembram é seguro viagem. Você já parou para pensar nesse assunto?

Primeiro, é importante saber que o seguro viagem não é um plano de saúde. Em geral, ele funciona como uma assistência médica que deve ser utilizada em caso de imprevistos – como acidentes ou doenças enquanto o viajante estiver em solo estrangeiro.

Com um custo de contratação relativamente baixo, o viajante internacional se previne e garante a cobertura para a prestação de serviços médicos e odontológicos fora do país. Além disso, alguns planos de seguro viagem incluem serviços que te ajudam em situações como no caso da perda ou roubo de bagagens e documentos.

Portanto, contratar um seguro viagem é essencial para que você fique tranquilo enquanto estiver no exterior. Além disso, em muitos países, o seguro viagem é considerado obrigatório para garantir a sua entrada no país.
 

A obrigatoriedade do seguro viagem

 
Para permitir a entrada do viajante internacional, alguns países exigem a contratação do seguro viagem. Os países signatários do Tratato de Schengen, por exemplo, fazem parte dessa lista, e ainda exigem um valor mínimo de cobertura.

Dessa forma, quem pretende viajar para um país europeu que faz parte do Tratato de Schengen, deve contratar um seguro viagem com uma cobertura mínima de € 30.000. Nesse caso, o seguro é obrigatório e esse valor é estipulado para assistências médicas em caso de doença ou acidentes durante a sua estadia.

Já na América Central e Latina, o seguro viagem é obrigatório em Cuba e na Venezuela, e os valores estipulados para cobertura mínima são de US$ 10.000 e US$ 40.000, respectivamente.

E na Austrália, o seguro viagem é obrigatório, porém não há uma cobertura mínima estipulada para a entrada no país.
 

Países com acordos internacionais de saúde

 
Alguns países, entretanto, possuem acordos internacionais de reciprocidade com o Brasil e permitem que os cidadãos brasileiros tenham acesso à rede pública de saúde. Atualmente, os países que possuem o Certificado de Direito a Assistência Médica (CDAM) são Cabo Verde, Itália e Portugal.

Existem, também, alguns países que não obrigam a contratação do seguro viagem para que o viajante garanta sua entrada, porém, o Ministério das Relações Exteriores recomenda que todos os brasileiros contratem um seguro viagem, pelo fato de que muitos países não possuem um sistema de saúde gratuito e disponível para utilização de estrangeiros.

Nesse sentido, você pode notar que existem várias especificações referente ao seguro viagem. Por isso, é importante conferir todas as exigências referentes a seguro viagem junto ao Consulado ou Embaixada do país antes de viajar, ok?

Você também pode consultar, no site do Ministério das Relações Exteriores, uma lista de estabelecimentos públicos da área da saúde que prestam serviços sem custo ou com custos reduzidos a estrangeiros. A lista está dividida por áreas geográficas / países!
 

Qual a cobertura de um seguro de viagem?

 
Além de cobrir atendimentos médicos e odontológicos, os planos de seguro viagem, geralmente, garantem:

  • Indenização no caso de perda ou roubo de bagagem;
  • Assistência na localização de bagagem extraviada;
  • Despesas farmacêuticas;
  • Despesas com fisioterapia;
  • Repatriação médica e funerária, que garante o retorno do viajante ao Brasil em caso de doença e acidente, ou em caso de falecimento;
  • Hospedagem após alta hospitalar;
  • Retorno e Hospedagem de acompanhantes;
  • Indenização no caso de invalidez permanente ou total, e em caso de falecimento;
  • Despesas com assistência jurídica;
  • Pagamento antecipado de fiança;
  • Remarcação de passagem para regresso;
  • Visita ao segurado hospitalizado;
  • Seguro no caso de interrupção ou cancelamento da viagem, em caso de emergência médica.

Alguns planos de seguro viagem não cobrem acidentes esportivos, mas permitem incluir essa cobertura como adicional, porém com um custo extra. Existem também planos familiares, para gestantes, estudantes de intercâmbio, idosos, entre outros.

Por isso, é sempre recomendado se informar antes de fechar o contrato com a empresa seguradora.

Outra recomendação importante é entrar em contato com a seguradora antes de obter atendimento médico, pois ela deverá te direcionar a um estabelecimento conveniado.

Em emergências, dependendo do plano contratado, é possível solicitar reembolsos para o caso de um atendimento particular.
 

Diferença entre seguro viagem e assistência viagem

 
O seguro viagem é constantemente confundido com a assistência viagem. Abaixo, listamos algumas das principais diferenças:

  • Seguro viagem

    Com o seguro viagem, o viajante é quem paga todas as despesas médicas e depois solicita o reembolso à seguradora. É válido ressaltar que o reembolso só será feito mediante a apresentação de comprovantes médicos, laudos, notas fiscais e outros documentos que possam justificar o atendimento. O ponto mais vantajoso desse serviço é que o viajante pode optar por ser atendido em qualquer lugar, mesmo não fazendo parte da rede conveniada do seguro.

  • Assistência viagem

    Ao contrário do seguro, a assistência viagem deixa claro a necessidade do segurado entrar em contato com a empresa contratada antes de receber o atendimento. O papel da seguradora é indicar o local para que o atendimento seja feito. O ponto positivo é que o segurado não precisará desembolsar nenhuma quantia, já que todo o pagamento será realizado pela seguradora. Entretanto, o segurado é obrigado a ser atendido no local indicado.

 

Onde contratar um seguro viagem?

 
Você pode contratar o Seguro do Viajante em uma das mais de 120 lojas Confidence Câmbio distribuídas em todo o país ou pelos Canais de Atendimento (chat, e-mail ou telefone).

Com o Seguro do Viajante Confidence Câmbio, você conta com assistência 24 horas por dia, caso algum imprevisto ocorra enquanto você estiver viajando.

Ele cobre todos os requisitos exigidos pelo Tratato de Schengen e você ainda conta com outros benefícios como: seguro bagagem para o caso de perda ou roubo e auxílio para o caso de perda de algum documento enquanto estiver viajando.
 
 
Ainda não sabe para onde viajar? Dá uma olhada na nossa seção Viagem e confira alguns destinos internacionais que valem a pena colocar na sua lista.

#seguroviajante seguro do viajante seguro viagem
As mais lidas

Seu e-mail não será publicado. *Campos obrigatórios

Categorias



Simulador de Câmbio

Carregando...

Escolher Moeda
  • Escolha uma das moedas abaixo:

Quero saber mais

Conecte-se a nós

Tags