O que você sabe sobre a imigração japonesa?

1 Estrelas2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (5.00/5 - 2 avaliações)
carregandoLoading...
Imigração japonesa no Brasil

3 min de leitura

Por: Confidence Câmbio • 16 Jun

A data oficial da imigração japonesa no Brasil é 18 de junho de 1908, dia em que o navio Kasato Maru chegou no porto de Santos. Foram exatos 52 dias desde que os 781 imigrantes embarcaram no porto de Kobe, na grande Osaka. Segundo informações oficiais, além dos japoneses relacionados ao acordo entre o Brasil e o Japão, outros 12 passageiros independentes estavam a bordo.

Kasato Maru - Fonte Wikipedia
Kasato Maru | Fonte: Wikipedia

O trato beneficiava ambos os países igualmente. O Brasil precisava de mão-de-obra para trabalhar nas fazendas de café, em São Paulo e no Paraná. Enquanto o Japão viu a aliança como uma alternativa para as tensões sociais geradas por conta de sua população numerosa.

Aqui, os japoneses imigrantes ficaram conhecidos como “deuses da agricultura”, pois aperfeiçoaram técnicas no cultivo da batata, arroz e do tomate, além de introduzirem as culturas de chá e bicho da seda.

O Tratado para a imigração japonesa

O Brasil já se preparava para receber imigrantes chineses e japoneses já há algum tempo. Em 5 de outubro de 1892, foi aprovada a Lei nº 97 com tal liberação, mas só em 1894 o Brasil foi considerado apto a acolher os imigrantes japoneses. Isso depois da visita do deputado Tadashi Nemoto ao nosso país. Aqui, ele passou por São Paulo, Rio de Janeiro, Bahia e Minas Gerais.

O primeiro grupo de imigrantes deveriam, na verdade, ter embarcado já em 1897, mas a crise enfrentada pelo café até 1906 fez com que a viagem fosse adiada na véspera da partida.

No ano seguinte, em 1907, Carlos Arruda Botelho, o então secretário da Agricultura de São Paulo, firmou compromisso com o Japão para que recebêssemos três mil imigrantes nos próximos três anos.

Marcos da população japonesa no Brasil

– 1911: cinco famílias japonesas se tornam os primeiros imigrantes japoneses proprietários de terra no Brasil
– 1913: chegam os únicos 107 mineiros da história da imigração
– 1918: formação das primeiras professoras oficiais, irmãs Kumabe
– 1923: formação do primeiro descendente de japonês em odontologia
– 1948: Yukishige Tamura se torna o primeiro Nikkei (descendente japonês nascido fora do Japão) a ocupar um cargo público em uma capital do país, como vereador de São Paulo
– 1949: retomada do comércio entre Brasil e Japão (antes cortado por conta da Segunda Guerra Mundial)
– 1953: chegada das primeiras empresas japonesas ao solo brasileiro
– 1964: inauguração da sede da Sociedade Brasileira da Cultura Japonesa
– 1973: último navio de imigrantes japoneses, Nippon Maru, chega ao porto de Santos

Tomi Nakagawa - Fonte portal Cidade de Londrina
Fonte: portal Cidade de Londrina

– 2006: falecimento da última sobrevivente do primeiro grupo de imigrantes japoneses a chegar no Brasil, Tomi Nakagawa (ao lado)

Moeda oficial do Japão

Moeda de 5 ienes
Moeda de 5 ienes | Fonte: UOL

O Iene é a terceira moeda mais negociada no mercado financeiro internacional, ficando atrás apenas do dólar americano e do euro.

Criada em 1870, a moeda japonesa surgiu em decorrência da moeda chinesa – yuan, amplamente utilizada no Japão até 1868. A palavra “yuan” significa “objeto redondo” em português.

A maior desvalorização da moeda japonesa se deu no período da Segunda Guerra Mundial, quando era necessário ter 360 ienes para trocar por 1 dólar americano.

Curiosidade: Acredita-se que a moeda de cinco ienes tem um buraco no meio por questões financeiras, já que ela passou a ser produzida em 1949, pouco depois do fim da Segunda Guerra Mundial, período em que o país lidava com intensa carência de metais.

Compartilhe esse post.

Fique por dentro

Preencha seus dados e receba as novidades da Confidence Câmbio

Está pensando em fazer um intercâmbio internacional?

Confira depoimentos de quem já foi e baixe o nosso e-book com dicas de planejamento financeiro e checklist de documentos para te ajudar a se organizar.

Está pensando em fazer um intercâmbio internacional?

Confira depoimentos de quem já foi e baixe o nosso e-book com dicas de planejamento financeiro e checklist de documentos para te ajudar a se organizar.

Aplicativo Confidence Câmbio

Pelo App você você recebe notificações quando o dólar, euro, libra, pesos e outras moedas estrangeiras estiverem em queda para aproveitar as melhores cotações. Além disso, com ele você pode comprar sua moeda estrangeira em espécie, recarregar seu cartão pré-pago internacional e fazer transferências internacionais.
Disponível nas lojas App Store e Google Play Store

Aplicativo Confidence Câmbio

Pelo App você você recebe notificações quando o dólar, euro, libra, pesos e outras moedas estrangeiras estiverem em queda para aproveitar as melhores cotações. Além disso, com ele você pode comprar sua moeda estrangeira em espécie, recarregar seu cartão pré-pago internacional e fazer transferências internacionais.
| MAPA DO SITE | confidence cambio © - todos os direitos reservados - CNPJ: 04.913.129/0001-41 - CONFIDENCE CORRETORA DE CAMBIO S/A - Av. Engenheiro Luis Carlos Berrini, 105, 5º andar, Edifício Berrini One CEP: 04571-010 • São Paulo • SP • Brasil