NYSE e NASDAQ: como funcionam e quais são as diferenças entre elas?

1 Estrelas2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (5.00/5 - 1 avaliações)
carregandoLoading...
nyse e nasdaq

4 min de leitura

Por: Confidence Câmbio • 17 Feb

A tendência para operações comerciais é bastante alta nos EUA. Isso fica claro pela presença de grandes lojas no país, além de ser a sede de gigantes como Apple, Amazon, entre outras.

Porém, essa predisposição para o mercado não tem relação só com grandes corporações: a compra e venda de ações também é bastante ampla. Inclusive, duas das maiores bolsas, NYSE e NASDAQ, são norte-americana, fazendo com que se tenha acesso a um número expressivo de empresas.

Se você tem interesse em explorar formas de investir em ações internacionais e quer conhecer um pouco como funciona o mercado estrangeiro, principalmente nos EUA, vamos apresentar duas das principais bolsas de valores do mundo: NYSE e NASDAQ. Confira!

Qual é a diferença entre NYSE e NASDAQ?

Primeiro, é preciso saber que ambas lidam com ações de grandes companhias. Porém, enquanto a NYSE, também conhecida como Bolsa de Nova York, concentra ativos mais tradicionais, a NASDAQ é uma bolsa com mais empresas do ramo de tecnologia. A forma como os ativos são negociados é outro ponto distinto entre as duas.

Na NYSE, classificada como a maior bolsa de valores do mundo em capitalização, as operações são feitas pelo mercado de leilão, em que os clientes compram e vendem os papéis entre si. O preço de oferta mais alto é o que corresponderá ao valor mais baixo de venda. Isto é, no meio de várias propostas do mesmo papel, a que determinará o menor preço para a negociação é a oferta mais alta.

Já a NASDAQ é mais centralizada e as negociações são feitas por revenda. Ou seja, as operações não são diretas, elas ocorrem por meio de intermediários. Além disso, é uma bolsa totalmente digital, enquanto na Bolsa de Nova York, apenas uma parte de seu funcionamento é eletrônica.

Regras para a listagem das empresas

Apesar de ter um número considerável de empresas, essas bolsas de valores têm regras para aceitar as companhias. Na NYSE, por exemplo, existe uma taxa anual de inscrição que vai até US$ 500.000,00. Ela se baseia no número de papéis comercializados pelas empresas, por isso esse limite.

A NASDAQ, por sua vez, tem duas taxas. A primeira, de inscrição, vai de US$ 50.000,00 a US$ 75.000,00. A segunda, anual, pode ser de até US$ 27.500,00.

Índices

As duas trabalham com índices com grandes volumes de companhias. Resumidamente, o índice é um indicador que reflete o valor de determinados setores de ações negociadas na bolsa.

A NASDAQ, por exemplo, possui o NASDAQ Composite, que engloba mais de 5 mil empresas da área de tecnologia do mundo todo. Também há o Nasdaq-100, que contém as 100 maiores companhias dessa bolsa.

Já a NYSE é um pouco mais tradicional. Entre seus índices estão o Dow Jones Industrial Average, ligado às 30 maiores empresas dos EUA. Há também o famoso índice S&P 500, com 500 ações das duas bolsas, escolhidas de acordo com liquidez, tamanho e setor.

Como funcionam as duas bolsas?

Como podemos notar, elas são bem diferentes entre si, porém, as diferenças não são só nos tipos de ações ofertadas. Na sequência, vamos falar um pouco mais sobre a história e as características dessas duas bolsas.

NYSE

A Bolsa de Nova York é uma das principais bolsas de valores dos Estados Unidos. Para você ter ideia, ela foi fundada em 1792 e está localizada em Wall Street, centro financeiro de Manhattan.

A NYSE também carrega o título de ser uma das maiores do mundo, capitalizando, de acordo com os últimos dados, cerca de US$ 21,3 trilhões com mais de 2.400 empresas listadas. É nela que estão grandes companhias com décadas de existência, como Walmart, General Electric, AT&T, Johnson & Johnson, The Walt Disney Company, entre outras.

Em 2007, a bolsa começou um trabalho de modernização. As operações foram fundidas com um grupo de bolsa de valores eletrônica da Europa, a Euronext, criando a NYSE Euronext.

Isso, além de mostrar uma iniciativa para a modernização dos processos da Bolsa de Nova York, formou o primeiro mercado de capitais pan-atlântico da história. Curiosamente, essa fusão também pode ser negociada na bolsa, como NYSE:NYX.

Em 2013, a NYSE conseguiu superar a NASDAQ no quesito empresas de tecnologia. O feito aconteceu graças aos esforços da Bolsa de Nova York em atrair mais companhias deste setor. Ela começou a garantir que a volatilidade seria 60% menor do que a do concorrente, devido ao seu modo de negociar, além de fornecer mais liquidez.

NASDAQ

Bem mais nova do que a NYSE, a NASDAQ surgiu na década de 1970, a partir de uma necessidade. 

A instituição responsável pela regulamentação das operações mobiliárias — ou seja, de ativos —, U.S Securities and Exchange Commission (SEC), fez um estudo que indicou a necessidade por parte de alguns setores, principalmente de tecnologia, de uma regulamentação mais eficaz. Dessa forma, a recomendação era para que tanto o monitoramento quanto as negociações fossem eletrônicos.

Esse estudo foi crucial para definir uma das principais características da NASDAQ. Ela é uma bolsa de valores totalmente digital. O número de empresas também é outra característica: ela tem 3.800 companhias listadas, com uma capitalização de US$ 11 trilhões. Diferentemente da Bolsa de Nova York, existem companhias de diversos tamanhos. Entre as empresas que encontramos estão: Facebook, Google, Amazon, Apple e Microsoft. 

Como você pôde ver, há algumas diferenças bem interessantes entre as duas maiores bolsas americanas: NYSE e NASDAQ. A primeira está voltada para ativos de grandes empresas — principalmente do setor industrial — e em atividade há mais de 200 anos. A segunda é mais nova, com 50 anos de existência, e tem um apelo maior para a área de tecnologia. Além disso, tem listadas companhias de diversos portes. 

Esperamos que este conteúdo tenha esclarecido como funcionam alguns pontos do mercado americano. Se gostou de conhecer sobre NYSE e NASDAQ e quer continuar aprendendo, assine agora a nossa newsletter!

Compartilhe esse post.

Fique por dentro

Preencha seus dados e receba as novidades da Confidence Câmbio

[lots_of_checkboxes]

Está pensando em fazer um intercâmbio internacional?

Confira depoimentos de quem já foi e baixe o nosso e-book com dicas de planejamento financeiro e checklist de documentos para te ajudar a se organizar.

Está pensando em fazer um intercâmbio internacional?

Confira depoimentos de quem já foi e baixe o nosso e-book com dicas de planejamento financeiro e checklist de documentos para te ajudar a se organizar.

Aplicativo Confidence Câmbio

Pelo App você você recebe notificações quando o dólar, euro, libra, pesos e outras moedas estrangeiras estiverem em queda para aproveitar as melhores cotações. Além disso, com ele você pode comprar sua moeda estrangeira em espécie, recarregar seu cartão pré-pago internacional e fazer transferências internacionais.
Disponível nas lojas App Store e Google Play Store

Aplicativo Confidence Câmbio

Pelo App você você recebe notificações quando o dólar, euro, libra, pesos e outras moedas estrangeiras estiverem em queda para aproveitar as melhores cotações. Além disso, com ele você pode comprar sua moeda estrangeira em espécie, recarregar seu cartão pré-pago internacional e fazer transferências internacionais.
| MAPA DO SITE | confidence cambio © - todos os direitos reservados - CNPJ: 04.913.129/0001-41 - CONFIDENCE CORRETORA DE CAMBIO S/A - Av. Engenheiro Luis Carlos Berrini, 105, 5º andar, Edifício Berrini One CEP: 04571-010 • São Paulo • SP • Brasil